PAGAR-LHE PARA QUÊ?

por Pedro Sousa em 17 de Abril de 2010

em País

O presidente executivo da Portugal Telecom, Zeinal Bava, acaba de ganhar o prémio de melhor CEO da Europa na área de serviços de telecomunicações, um galardão atribuído pela Institutional Investor, anunciou hoje a empresa norte-americana

(http://sol.sapo.pt/PaginaInicial/Economia/Interior.aspx?content_id=169140)

{ 10 comentários… lê abaixo ouadiciona }

1 Azevedo 17 de Abril de 2010 às 10:03

E o próximo a ganhar o prémio ? Será o Dr. Mexia? Não me façam rir… Empresas, quase, monopolistas num mercado riddículo até a minha avózinha geria com sucesso…
Essa conversa da treta que os senhores têm de ser bem pagos porque são muito bons é conversa para criancinhas… Mas alguém na Europa empregava indivíduos a ganharem 3.000.000 de euros , por ano? Esse é o argumento para proteger uma ”casta” . O resto dos gestores ( e falo de países ricos e produtivos) ganha menos que em Portugal… É claro que salários baixos é para a ”maralha” que alomba! E viva o novo socialismo :referências ideológicas? Doutrinação política? ZERO! A militância política, nos nossos dias, não é uma visão política sobre a ”Polis ” mas uma cublite sem espinha vertebral! Assim é que ”eles ” os querem!

Responder

2 Pedro Sousa 17 de Abril de 2010 às 12:10

Caro Azevedo,

Esse tipo de discurso anda longe da realidade. E falo do caso da PT, não estou a generalizar. A PT é uma empresa presente em inúmeros países e é um extraordinário caso de sucesso. Tem mais de 70 milhões de clientes onde Portugal representa uma pequeníssima parte. É bombexemplo até na Bolsa de NY. Curioso como sempre pedimos empresas publicas ou com capitais públicos bem geridas, mas estamos à espera que sejam geridas por voluntários. A qualidade e os resultados pagam-se. Estes prémios devem chocar é quando existem em empresas deficitarias.
Andamos sempre a chorar porque os cérebros andam a fugir de Portugal e depois não lhes queremos pagar.

Responder

3 inquieto 18 de Abril de 2010 às 10:40

Calma aí malta!!
Vamos devagarinho!

Ponto 1
Portugal precisa de notoriedade! Estamos todos de acordo.

Ponto 2
Portugal não pode ficar para trás! Vamos no bom caminho.

Ponto 3
Portugal tem muitos invejosos! Também é verdade.

Ponta 4
Portugal tem gajos inteligentes! Tem, e agora passei-me!!

Vê Pedro, e isto não é nada, nada pessoal!
Sou adepto da coisa pública/económica , liberal, desprotegida e vigiada.
Vens tu com os cérebros e a bolsa de NY! Lembras-te da choradeira que os gajos do PS fizeram da economia do mérito acerca dos últimos anos de especulação financeira?

Repara, se fosse uma empresa a pagar estes prémios, como por exemplo: Sonae, Jerónimo Martins, Carlos Pinho, Lda, A. Pimenta, Lda, ColepCCL, Vicaima, Quiosque do Sr. Cruz, A Frutaria, etc, etc, estaria completamente de acordo e só me restaria um consolo; Na missa ou noutro local de oração, encontrar uma resposta, se tal fosse necessário. Mas, não sendo assim convido-te a reflectir:
Temos
- a energia mais cara 20% que a média europeia;(EDP, REN)
- as comunicações mais lentas e mais caras x%;(PT)
- os combustíveis mas caros x%;(GALP)
- temos txs de juro médias mais elevadas x%(CGD)
- temos uma carga fiscal sobre famílias e empresas x% acima da média;

E temos ainda um conjunto de fardos indirectos, que seria aqui maçador enumerar, mas todos desta natureza, QUE TE CONDICIONAM DIRECTAMENTE O TEU DIA-A-DIA!
Agora, soma todos estes extras que tu, eu, e as nossas empresas pagam ao fim do mês ou do ano.
Depois diz-me se não é, aos olhos de todos, uma BARBARIDADE ,a protecção aos salários elevados, como ainda esta semana estes senhores decidiram.

O outro problema, o dos cérebros, é ainda, uma falácia maior!!
Não reconheço, objectivamente mais qualidades a estes senhores, que há grande maioria dos nossos empresários honestos que todos os dias nos presenteiam com resultados!
Enumerava mil homens e mulheres honestos, que por 50% do valor(era um escândalo menor) fariam um trabalho sério e com resultados excelentes! E não sou só eu a dizê-lo!

Vê só, e mais uma vez a título de exemplo: se uma PME de Arouca entender investir num projecto que necessite de 500.000,00 de capital, muito provavelmente não tem que lhe olhe sequer, para o projecto! Em contrapartida a EDP tem-se financiado até aos 15 mil MILHÕES!!, em projectos de retorno a 15 anos!!

Não, não é mostrar querer saber mais do que os outros. Para quem anda atento a estas coisas, com o dinheiro dos portugueses, especialmente com o meu contributo, não têm o meu mandato. Porque é disso que se trata, nós e nossos filhos estamos a caucionar o nosso futuro tb para pagar estes prémios. Só aqui é que reside o problema!

Podes contudo dizer: Estas empresas são um veículo de afirmação de soberania nacional, matéria sensível, concordo, mas então clarifiquem-nos o preço!

Um ponto a referir: nada me move contra qualquer destas personalidades, e só para enquadrar mais uma coisa: veja-se o que se soube acerca da CIMPOR, não sendo uma empresa pública, mas o Estado está lá metido indirectamente, vejam no que dá governar assim, e depois …
QUEM PAGA AS CONTAS SÃO SEMPRE OS MESMOS.

Um abraço
inquieto

Responder

4 Pedro Sousa 18 de Abril de 2010 às 22:57

Caro Inquieto,

Percebo o ponto, mas apenas estou a referir-me à PT, dado ser na área que melhor conheço. Uma empresa que está presente nos mais variados países, que pretende chegar ao fim de 2011 com 100.000.000 de clientes e que tem feito um trabalho notável, não pode ser acusada de ter sucesso porque é quase “monopolista”. Isso é o típico comentário de café, que não tem sustentabilidade nenhuma.
E desculpa mas não concordo em nada com a vulgarização que fazes da competência de Zeinal Bava. E, recordo, o post apenas se refere a este em particular, CEO da PT aos 42 anos. Dizer que há milhares que fariam como ele… não sei. Parece-me demasiado simplista essa afirmação. Zenal Bava foi eleito três vezes como o melhor director financeiro (CFO) da Europa pela Institutional Investor. Vamos lá aprender a dar valor a quem o tem… parece que só sabemos referir os que são fracos.

Responder

5 Jorge Monteiro 19 de Abril de 2010 às 20:37

Pedro…

Eu até entendo a sua posição, é certo. Mas aquilo que a PT é hoje, é só obra do Zeinal Bava?

É só obra da administração?

Não Pedro, aquilo que a PT é hoje, é obra de directores, de técnicos de informática, dos comerciais, dos homens (e mulheres) que andam nas ruas a fazer instalação de linhas telefónicas e equipamentos, é obra dos homens e das mulheres que todos os dias dão a cara e a voz para atender os seus clientes.

Penso eu que esse “trabalho notável” (ponho em aspas para o citar, não para dar qualquer sentido pejorativo) que o senhor nos fala, também passa por aí.

“A qualidade e os resultados pagam-se.”

Concordo, mas… porque é que explica a alguém, que trabalha numa empresa de trabalho temporário para prestar serviços á PT (call-center, comerciais, lojas) que deve ganhar pouco (dependendo da empresa, entre 600/800 euros a trabalhos de 8 horas), enquanto que o CEO da PT deve ganhar milhões? Repare-se que não acho que todos os trabalhadores da PT devem ganhar igual ao CEO. Mas penso que os lucros poderiam ser um pouco melhor distribuidos (também não seria possivel todos os trabalhadores da PT ganharem 5000 euros mensais)…

Responder

6 Pedro Sousa 20 de Abril de 2010 às 0:02

Caro Jorge Monteiro,

Claro que a PT é de todos. O contributo de todos é importante, mas o de uns mais do que de outros. É como numa equipa de futebol.
A PT tem muito boa política de remuneração (vê lá que até tem, nalguns casos, um subsidio de assiduidade, ou seja, um subsidio para fazerem a obrigação).
A cada um o que é de cada um. E no caso da PT aumentar 10€ a cada funcionário, significa um investimento brutal, dada a dimensão da empresa.
Mas essas decisões cabem a ela, que eu não trabalho lá nem tenho acções.

Responder

7 Vitor Soares 20 de Abril de 2010 às 12:03

“(vê lá que até tem, nalguns casos, um subsidio de assiduidade, ou seja, um subsidio para fazerem a obrigação)”. Ora aí está, para fazerem a sua obrigação.

O que o Zeinal Bava faz não é sua obrigação?

Responder

8 Pedro Sousa 20 de Abril de 2010 às 19:32

Caro Vitor,

Presumo que as condições do Zeinal Bava pressupõe prémios por desempenho excepcional, não por desempenho básico.

Responder

9 Azevedo 21 de Abril de 2010 às 22:41

Argumentação da treta! Mais grave quando vem de supostos socialistas. Deviam pelo menos ouvir a entrevista dada hoje pelo Dr. Jorge Sampaio sobre os salários de alguns gestores portugueses. Uma obscenidade sem defesa!

Responder

10 Pedro Sousa 22 de Abril de 2010 às 5:15

Caro Azevedo,

Reitero… não estou a falar de “alguns gestores”. Apenas de Zeinal Bava

Responder

Anterior:

Seguinte: