From the daily archives:

Quarta-feira, Dezembro 10, 2008

A SEMANA DOS 3 DIAS

por Pedro Sousa em 10 de Dezembro de 2008

em País

Tal com referido aqui, os deputados parecem apreciar a gazeta à 6ª feira… pudera.

Mas há sempre os iluminados e Guilherme Silva, ex-lider parlamentar do PSD, sacou a solução da cartola… só devia haver plenários às terças, quartas e quintas para “evitar o problema das faltas dos deputados que saem mais cedo para o fim-de-semana

Diz ainda que a “deslocação dos deputados para regressarem aos fins-de-semana às suas famílias tem uma componente humana que também é respeitável

Eu tenho mais sugestões:

a) Não marcar plenários quando à futebol, porque a componente do sofrimento clubistico também é respeitável;

b) Não marcar plenários nas pontes, porque o descanso de fim-de-semana prolongado tem uma componente de relaxamento que também é respeitável

c) Não marcar plenários pura e simplesmente porque não…

E depois como é que querem que não lhe malhemos??!?!

NOTA IMPORTANTE: Alguém me referiu que o André Almeida é dos deputados que menos faltas tem (ou nunca faltou… não estou seguro). Sendo assim, vão daqui os PARABÉNS ao André, pelo exemplo que dá.

{ 0 comentários }

A DEMOCRACIA E A INQUISIÇÃO

por Pedro Sousa em 10 de Dezembro de 2008

em País

O título podia ser outro qualquer, mas depois de ouvir “milhares” de vozes a dizer que o Ministério da Educação fazia uma pressão inqualificável sobre os professores, ver que existe um post como este num blog de professores, faz-me pensar que, no meio de tudo isto, alguém se esqueceu que a liberdade de voto e pensamento é um direito conquistado e que ninguém deve ser perseguido por isso.

Escreve este bloger professor sobre quem, exercendo a sua liberdade, votou contra a suspensão do modelo:

Conheça os nomes dos PCEs (Presidentes dos Conselhos de Escola) que votaram contra e assinaram ou subscreveram declarações de voto. Vale a pena ler a acta para ter conhecimento do teor das declarações de voto. Fica-se a saber mais um pouco sobre o que move os adversários dos professores.

Sim, acredite ou não, isto é um post de um professor sobre outros professores. Tal como escrevi noutro post, é a questão de que quem não está comigo, está contra mim. VERGONHOSO!! Se bem que depois daquela de que um professor que não fosse grevista, não era professor com P maiúsculo, se calhar não devia ficar surpreendido.

Acredito, no entanto, que grande parte dos professores não se revê neste tipo de perseguição. Quero acreditar nisso. Tenho de acreditar nisso.

{ 1 comentário }