From the daily archives:

Quinta-feira, Novembro 8, 2007

Dois recortes do “Público” de hoje

por Pedro Sousa em 8 de Novembro de 2007

em País,Repita lá?!?!?!?

«Felgueiras

“Saco Azul” cheio de esquecimentos

Os lapsos de memória continuam a marcar as sessões do julgamento do caso “saco azul” de Felgueiras. As faltas de lembrança atacaram ontem o agente comercial Carlos Santos, que vendeu o Audi A4 a Fátima Felgueiras. Depois de ter afirmado à PJ, em 2001, que a autarca tinha estado presente no stand de vendas, no dia da entrega da viatura [...] Carlos Santos assegurou ontem “Sem querer estar a mentir, não me lembro”. Garantiu que apenas se lembra de ter visto um ex-assessor da autarca.»

**********************************************************************

De um artigo de Helena Matos

«Por irónico paradoxo (ou talvez não), actualmente no sector privado em Portugal praticamente só acontecem greves quando se teme o encerramento das empresas.

As paralisações de trabalho no verdadeiro sentido do termo estão reservadas para o sector público, sobretudo nos serviços aos quais os cidadãos não podem deixar de recorrer. Ou seja, os utentes, que por sinal também são contribuintes, sustentam as chefias “rigorosas” e os chefiados “revoltados”. Por outras palavras, o transbordantemente optimista slogan “Os ricos que paguem a crise” deu lugar a um não verbalizado, mas sem dúvida incontornável “Os contribuintes que paguem a crise”»

{ 0 comentários }