Do arquivo da categoria:

Sem categoria

Fotos da inauguração do Museu Municipal

por Pedro Sousa em 20 de Maio de 2008

em Sem categoria

pic-0063.jpgpic-0062.jpgpic-0055.jpgpic-0059.jpg

{ 0 comentários }

O GANG DO PINTO DA COSTA VOLTOU AO ATAQUE

por Pedro Sousa em 11 de Maio de 2008

em Sem categoria

«Nos minutos que antecederam a conferência de Imprensa de ontem à noite, verificaram-se cenas lamentáveis à entrada do Dragão. Quando tentavam entrar no estádio, alguns jornalistas foram agredidos e outros apertados por vários elementos ligados à claque dos SuperDragões, furiosos com os castigos aplicados pela Liga ao F. C. Porto e ao presidente da SAD, Pinto da Costa.» [Jornal de Notícias]

daqui:  www.jumento.blogspot.com

{ 0 comentários }

O Presidente da Câmara de Arouca deu entrevista ao jornal Acção Socialista, do PS.

Alguns extratos:

[...] A única alternativa política é aquela que não adia reformas, que aposta no desenvolvimento e no crescimento da economia, que organiza as finanças públicas e que gere os recursos de forma consciente.
Em entrevista ao “Acção Socialista”, José Tavares Neves, presidente da Câmara Municipal de Arouca, lembra que o Governo liderado por José Sócrates tem sabido encarar corajosamente os problemas que se colocavam a Portugal, ultrapassando um certo clima de facilitismo, lutando contra as desigualdades sociais e, sobretudo, realizando um conjunto de políticas que o país há muito reclamava.
[...]

[...]Este estudo, para o Plano de Desenvolvimento Social da região do Entre Douro e Vouga, a que pertencemos juntamente com Oliveira de Azeméis, São João da Madeira, Santa Maria da Feira e Vale de Cambra, é um levantamento das realidades e das entidades que operam no terreno no domínio da Acção Social. A nível municipal, temos já esse trabalho feito, no âmbito da nossa rede social concelhia.[...]

[...] As acessibilidades são, neste momento, o nosso grande problema. Todas as vias que nos servem ainda não estão concretizadas, mas acreditamos que, especialmente no que diz respeito à A32, teremos novidades muito em breve, uma vez que a obra já está concessionada à Brisa.
De facto, a A32 proporcionará uma alternativa importante, um acesso mais rápido e eficaz à cidade do Porto e a Oliveira de Azeméis e, por consequência, à A1 e a sul.
Paralelamente a isso, estamos a avançar com o processo da nossa via estruturante (Variante à EN 326), que terá um nó de ligação à A32 e um acesso privilegiado à A1, em Santa Maria da Feira.
[...]

[...]No geral, as opções em relação às Finanças Locais têm o nosso acordo, mas há especificidades com as quais não podemos concordar. Um exemplo concreto: não podemos encarar da mesma forma uma obra de água ou de saneamento que decorra num município de montanha ou num município mais plano. As dificuldades, no terreno, são diferentes, o que faz com que o volume de despesa seja também diferente, num caso e noutro. [...]

[...] Sectores como a Educação e a Acção Social devem, no meu entender, ser alvo de uma descentralização efectiva. São dos sectores que mexem mais com a vida quotidiana das populações.
Por isso, quando falo de descentralização efectiva, falo de uma descentralização não apenas financeira, mas também de um reajustamento ao nível dos recursos humanos.
[...]

entrevista completa aqui

{ 1 comentário }

Eu não dizia… fraquinho, fraquinho!!!

por Pedro Sousa em 17 de Abril de 2008

em Sem categoria

ÚLTIMA HORA 

Luís Filipe Menezes abandona liderança do PSD

{ 0 comentários }

Mesmo depois da Mega Manifestação dos Professores que foi apelidada por Luis Filipe Menezes como um grande mote de mudança, eis a notícia:

PS aumenta intenções de voto e distancia-se do PSD

Após três meses consecutivos em que registou uma quebra nas intenções de voto, o PS inverte agora essa tendência registando mais 1.7 pontos percentuais nas intenções de voto do que em Fevereiro de 2008.

{ 0 comentários }

Falticeni

por Pedro Sousa em 15 de Março de 2008

em Sem categoria

falticeni_2.jpgAlguém da cidade de Falticeni, na Roménia acedeu ao PPP… com que objectivo? Quem és tu, Falticeniano?

{ 0 comentários }

Dois excelentes post sobre o tema:

Ou seja, foram criados 8 postos de trabalho em termos líquidos (perderam-se 6, mas ganharam-se 14). É este o fenómeno de que dá conta o INE. Não há contradição entre aumento de taxa de desemprego e aumento do emprego líquido.

e

P: Para concluir: o que é mais importante destacar, o aumento da taxa de emprego ou o aumento da taxa de desemprego?

R: Ambos os indicadores são importantes, porque ambos encerram informação relevante. Mas a taxa de emprego, para além de ser mais objectiva, é talvez um indicador de bem-estar e potencial produtivo mais significativo, visto que mede a proporção da população total que se encontra empregada.

{ 0 comentários }

Helsinki

por Pedro Sousa em 10 de Fevereiro de 2008

em Sem categoria

images.jpg 

Alguém da cidade de Helsinquia, na Finlândia acedeu ao PPP… com que objectivo? Quem és tu, Helsinkiano?

{ 0 comentários }

Sites que sugiro serem visitados e apoiados…

por Pedro Sousa em 5 de Fevereiro de 2008

em Sem categoria

getimage.jpg

http://fartosdestesrecibosverdes.blogspot.com/

http://www.precariosinflexiveis.blogspot.com/

{ 0 comentários }

96_970.jpg 

O registo contabilístico da despesa com a compra dos dois submarinos vai ‘rebentar’ com o défice orçamental em 2010. Como estes navios são entregues a Portugal em 2010, o Governo é obrigado, segundo o Eurostast, a registar nesse ano os 973 milhões de euros, com juros incluídos, gastos na sua aquisição. Como o custo dos submarinos representa 0,5 por cento do Produto Interno Bruto (PIB), em 2010 o défice das contas públicas aumentará de 0,4 por cento, previsto no Plano de Estabilidade e Crescimento (PEC), para 0,9 por cento. (link)

{ 0 comentários }